domingo, 30 de janeiro de 2011

Lembrete para os Robertos Justus da vida...

Este post atende a o pedido de uma querida leitora, indignada com as declarações preconceituosas e infundadas de Roberto Justus em entrevista à Marília Gabriela. Roberto Justus geralmente me motiva a mudar de canal, com sua figura pasteurizada e ariana. Mas, indignada com razão, minha leitora que é uma nutricionista ficou chocada com a associação entre obesidade e incompetência estabelecida pela "lógica" distorcida e hitleriana de Justus.
.
Obesidade segundo Justus é apenas sinal de fraqueza, de uma pessoa que não tem firmeza de caráter pra mater a boca fechada. Assim, ser obeso é sempre uma escolha. de acordo com este "genial" empresário. Ser magro é sinal de inteligência e controle. Simples assim. Em breve pesquisa, constatei que foram várias as vezes em que emitiu tais opinões...
 .
Justus ficou conhecido por ser dublê de Donald Trump na versão brasileira de O Aprendiz, onde semanalmente ele demitia algum infeliz. Pelo raciocínio de Justus, pessoas obesas nem devem ser contratadas e não conseguem sucesso em suas carreiras.
.
Minha resposta foi desenvolvida para que pessoas com a mesma visão limitada consigam entender. Elaborei uma pequena lista de pessoas que NÃO SERIAM CONTRATADAS por Justus PORQUE NÃO CONSEGUIRIAM TER SUCESSO pelo fato de SEREM OBESAS e portanto MENOS INTELIGENTES. 

Bora conferir?
.
Eric Stonestreet: ator premiado
Alec Baldwin, reconhecido e premiado já gordinho
Marlon Brando jamais faria um filme produzido por Justus...
Kathy Bates, vencedora de Oscar. Acredita, Justus?!

Ophra, uma das mulhers mais ricas do mundo (pelo próprio talento)
Uma das maiores vozes do jazz: a imensa Aretha Franklin
Nana Caymmi: uma das melhores cantoras vivas
Jô Soares não teria chance com Justus também

E essa é a Luiza...dona do MAGAZINE LUIZA....

Azaghal e Jovem Nerd - império construído na internet...pode Justus?
Então, caros leitores ... Dá pra generalizar como quer o senhor Justus? Será que obesidade estabelece uma razão inversa com inteligência e competência como quer o nazi-empresário Justus?
Dá pra perder talentos como os ilustrados aqui por causa de quilos a mais?
.
Ficadica pro RH!

OBS: sou megaboga fã de todos que ilustrei nesse post. Uma homenagem pra quem venceu apesar de um mundo cheio de idiotas como Justus... Eles venceram não por serem gordos ou magros. Venceram porque tiveram talento e oportunidade. Oportunidade que muitos ainda esperam...
.
Recado dado, Fabiana? Beijos e obrigada pela sugestão!

2 comentários:

Let´s disse...

Há outros comentários infelizes do Justus. Como por exemplo, de que só se casava com mulheres mais jovens porque as mais velhas (ou seja, da idade dele) eram deprimentes. Só rindo.
Ah, Leo Jaime (muso) falou sobre isso no Saia Justa da última quarta-feira (o preconceito contra os gordos, exatamente por associação da gordura com caráter fraco).
Um beijo, Ju

Fernanda Panzeri Pires de Souza disse...

Juliana, você sabe, ou deve imaginar, a minha opinião sobre preconceitos com obesos. Só para tentar contribuir, veja a reportagem do Bom dia Brasil da semana passada.
http://video.globo.com/Videos/Player/Noticias/0,,GIM1421506-7823-MAIS+DE+DOS+EMPREGADORES+NAO+QUEREM+PESSOAS+OBESAS,00.html
Acho ainda mais preocupante. Ninguém é gordo porque quer! Eu garanto!
Abraços e parabéns pela abordagem.