segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Aniversário do Grande Oráculo!

" O domínio Google foi registrado no dia 15 de setembro de 1997. A empresa foi incorporada em 4 de setembro de 2008 e no dia 21 do mesmo mês, seu primeiro funcionário foi admitido. Apesar de todas essas datas provarem o contrário, os fundadores da companhia decidiram que o dia 27 de setembro deve ser lembrado como aniversário da maior empresa de buscas da atualidade, que completa 12 anos de atividade nesta segunda-feira.(...). Foi fundado nos EUA pelos então estudantes Sergey Brin e Larry Page (...)"

.
Eu não sei você, mas eu NÃO VIVO SEM O GOOGLE.
Receita vegetariana? Google tem. Quer aprender sobre a resistência do chuveiro? Google ensina e ainda ilustra. Doença rara? Joga no Google. Oração para Santo Onofre? Até isso já está lá...
Honestamente, a agilidade de busca e compilação de informações e imagens que muitas vezes preciso para fazer meu trabalho, só ocorre graças ao Google e minha familiaridade com as ferramentas de busca.
Todavia, apesar de estar em festa porque "Google é nosso pastor e nada nos faltará", vale ressaltar uma observação já antiga que tenho a respeito do querido oráculo internético: ele só ajuda quem tem capacidade de leitura. E isso está cada vez mais raro na jovem geração. Mais: ele te ajuda mais se você for capaz de também ler em inglês. Então, embora o Google facilite a vida, isso só ocorrerá para o que primeiramente tiverem uma alfabetização competente, hábito de leitura (tradicional, no papel!) e dominarem o inglês. Fora isso, a pessoa se sente ainda mais perdida ao navegar. É como o garoto que ganha uma calculadora científica, mas não aprendeu a somar na ponta do lápis. Ele até a usa, mas é facilmente induzido ao erro...
Então minha proposta para comemorar data tão feliz para Google- Lovers como eu é essa: escolha UM LIVRO e LEIA. Qualquer um. Ler Harry Potter é muito melhor que não ler. Depois desse, comece outro. Não pare. NUNCA MAIS. Não precisa pressa. Melhor ler uma página por dia, que não ler. E comece a pensar em fazer aquele cursinho de inglês que você sempre adiou. Desse modo, ano que vem nesta data, terá muito mais a comemorar!
Pior que não ter informação, é tê-la tão próxima e não ser capaz de acessá-la. O Google tem de tudo? Sim. Coisas certas e erradas. Cabe a você saber garimpar e isso só acontece com a prática da leitura e interpretação e não com o automático zumbi control C control V.

2 comentários:

Anônimo disse...

Gostei! É pura verdade, mas odeio ingles!

Ju T. disse...

Sim, eu entendo, mas nem falei em gostar... É um mal necessário infelizmente!